Empresa é dona da Chevrolet, líder de mercado no Brasil.

Segundo sindicato, trabalhadores devem retornar em 12 de abril.

Fábrica da GM em São Caetano do Sul Divulgação A General Motors anunciou nesta quarta-feira (18) que vai dar férias coletivas para todos os funcionários no Brasil a partir de 30 de março, afirmou a companhia nesta quarta-feira, em meio ao pânico gerado pela pandemia de coronavírus. Em nota, a GM, que é dona da Chevrolet, líder de mercado no Brasil, disse que a medida foi tomada "com o objetivo de ajustar a produção à demanda do mercado".

Coronavírus: veja perguntas e respostas O Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos disse que as férias coletivas vão durar entre 30 de março e 12 de abril.

No local, trabalham cerca de 3,8 mil funcionários.

Além de São José dos Campos (SP), a Chevrolet tem fábricas em São Caetano do Sul, Mogi das Cruzes (SP), Gravataí (RS) e Joinville (SC).

Também nesta quarta-feira, a Caoa Chery demitiu 59 funcionários e encerrou a produção de motores na unidade de Jacareí (SP).

São as duas primeiras fabricantes no Brasil a tomar medidas em razão da pandemia do coronavírus.

Initial plugin text